Pilotos de Brasília são destaques na F4 Sul-americana

Pilotos de Brasília são destaques na F4 Sul-americana

Pedro Caland e Pedro Cardoso vencem as três corridas de Termas de Río Hondo, na Argentina, e estão na briga pelo segundo título da categoria continental.

A sexta etapa da temporada 2015 e a terceira e última rodada da Copa Argentina da F4 Sul-americana, realizadas no último fim de semana no Autódromo Internacional Termas de Río Hondo, na Argentina, ratificaram a ascensão dos pilotos de Brasília no campeonato. Os dois representantes da Capital Federal, Pedro Caland e Pedro Cardoso, venceram as três corridas no circuito argentino com autoridade e demonstraram que a cidade, bastante conhecida por revelar grandes talentos para o automobilismo mundial, tem um futuro promissor dentro das pistas.

Cardoso é o líder da temporada com 207 pontos, 32 à frente do vice-líder, o uruguaio Juan Manuel Casella, e tem 50 de vantagem sobre o xará Caland, quarto colocado. O brasiliense de 16 anos é o piloto que mais venceu no ano e também quem mais ganhou na F4 Sul-americana – ao lado do argentino Agustín Lima Capitao – com cinco triunfos. Na última etapa, venceu a segunda prova, terminou em segundo lugar a primeira corrida e abandonou a final. Somou 43 pontos dos 79 possíveis e abriu no campeonato.

“O fim de semana foi muito bom para nós. Sou amigo do Pedro e fiquei muito feliz pelos resultados dele e por termos conseguido levar Brasília à conquista máxima do fim de semana. Isso é muito bom para a cidade, que tem bastante tradição em revelar pilotos, como o Felipe Nasr hoje na Fórmula 1″, comentou Cardoso. “Estou na liderança e o Pedro é o quarto no campeonato, bem perto do terceiro e do segundo. Existem chances concretas de terminarmos nas duas primeiras posições e colocarmos a cidade no topo da Fórmula 4″, continuou.

Já Pedro Caland concorda com a opinião de Cardoso e demonstra orgulho por representar a Capital Federal nas pistas. “Acho que Brasília é um grande lugar de formação de pilotos. Desde Nelson Piquet, que é carioca, mas se mudou para cá há muito tempo, observamos muitos representantes saírem daqui para o mundo. Temos o Vitor Meira, o Felipe Guimarães, o Guga Lima e agora o Felipe Nasr na F1. Isso não é pouca coisa”, disse Caland. “Nossos resultados na última etapa foram ótimos para a cidade. Gosto muito do Pedro e juntos conseguimos esse feito para Brasília”, afirmou.

As duas vitórias na etapa de Termas de Río Hondo colocaram o piloto – o segundo mais novo do grid com apenas 15 anos – na briga direta pelo título da temporada. Caland ocupa a quarta posição com 157 pontos, mas está a apenas cinco do terceiro e a 18 do vice-líder Casella, restando duas rodadas duplas para o fim do campeonato. “Sei que é difícil alcançar o Pedro, que tem 50 pontos à minha frente, mas enquanto existir possibilidades de conquistar o troféu de campeão vou com tudo em busca disso. Seria muito legal colocar Brasília nas duas primeiras posições no campeonato”, finalizou.

Classificação do campeonato:
1) Pedro Cardoso (BRA) – 207 pontos
2) Juan Manuel Casella (URU) – 175 pontos
3) Rodrigo Pflucker (PER) – 162 pontos
4) Pedro Caland (BRA) – 157 pontos
5) Leandro Guedes (BRA) – 106 pontos
6) Federico Iribarne (ARG) – 91 pontos
7) Baltazar Leguizamón (ARG) – 59 pontos
8) Diego Muraglia (URU) – 55 pontos
9) Bruna Tomaselli (BRA) – 50 pontos
10) Francisco Cammarota (URU) – 45 pontos
11) Agustín Lima Capitao (ARG) – 42 pontos
12) Lorenzo Mauriziano (CHI) – 39 pontos
13) Juan Cruz Acosta (ARG) – 33 pontos
14) Nicolás Muraglia (URU) – 30 pontos
15) Maximiliano Soto Zurita (CHI) – 27 pontos
16) Daniel Duarte (BRA) – 18 pontos
17) Jorge Matos (EQU) – 6 pontos