Graduados disputam prêmios de R$ 198 mil na Copa Brasil de Kart

Graduados disputam prêmios de R$ 198 mil na Copa Brasil de Kart

Pilotos de duas categorias receberão bolsas para a temporada 2012 da F-Futuro Fiat
Rio de Janeiro, 21 de setembro de 2011 – A Comissão Nacional de Kart e a RM Eventos confirmaram hoje que dois campeões e vice-campeões da Copa Brasil de Kart deste ano receberão bolsas para disputar a temporada 2012 da Fórmula Futuro Fiat. O montante dos prêmios chega a R$ 396 mil reais e será destinado à categoria Graduados (PGK) e mais uma a ser definida nos próximos dias. A Copa Brasil de Kart acontece este ano na cidade de Imperatriz (MA), no terceiro fim de semana de outubro.

“Essa premiação reforça o compromisso da família Massa com o automobilismo de base e nos cobra ainda mais dedicação e responsabilidade na direção do kartismo brasileiro”, declarou Rubens Gatti, presidente da Comissão Nacional de Kart (CNK).

O dirigente paranaense lembrou que esse apoio dá continuidade ao apoio iniciado em 2010, quando os três primeiros classificados na categoria Graduados do Campeonato Brasileiro de Kart de 2010, recebem bolsas para disputar a F-Futuro Fiat. Na Copa Brasil de Kart o valor da bolsa foi reestruturado e aumentado, como explica Titônio Massa:

“No Brasileiro oferecemos três bolsas num valor que chega a R$ 330 mil apenas para a categoria Graduados. Para a Copa Brasil ampliamos esse total para R$ 396 mil, divididos em duas bolsas de R$ 110 mil e duas de R$ 66 mil, respectivamente, para os Graduados e uma segunda categoria.”

O presidente da Confederação Brasileira de Automobilismo, Cleyton Pinteiro, agradeceu o apoio da RM Events e da família Massa ao kartismo brasileiro. Segundo Pinteiro, isso demonstra a confiança dos promotores brasileiros no trabalho desenvolvido pela CNK:

“Ao facilitar a progressão da carreira de jovens kartistas eles estão apoiando o processo de formação de novos valores e comprovando que o trabalho da equipe de Rubens Gatti é sério e conseqüente.”

Para concorrer às bolsas de 50% e 30% do valor de uma temporada de F-Futuro Fiat os pilotos deverão ter idade mínima de 16 anos e máxima de 21 anos no dia 31 de janeiro de 2012.

Confederação Brasileira de Automobilismo
Assessoria de Imprensa